Olá, você sabia que a Internet das Coisas (IoT é a sigla em inglês) está em alta e gerando diversas oportunidades de negócio?

O mercado global estima que IoT vai movimentar US$ 11 TRILHÕES nos próximos 8 anos! Incrível não? E o Brasil não vai ficar de fora porque segundo a empresa Cisco devemos ter uma injeção de US$ 352 BILHÕES nos próximos 5 anos, ou seja, até o final de 2022.

É claro que esta notícia já deixou o nosso setor privado bastante entusiasmado e várias empresas já estão traçando estratégias para surfar nesta grande onda IoT.

Se olharmos para o ano passado fica muito claro que a estimativa global de movimentar US$ 11 trilhões tem fundamento.

Investimentos e Oportunidades

Só para você ter uma ideia a IBM investiu em 2016 US$ 200 MILHÕES na sua unidade Watson da Alemanha para IoT e isso é só uma parte do investimento global de US$ 3 BILHÕES.

Ainda em 2016 a IDC aqui no Brasil informou que os três principais segmentos de uso corporativo de IoT movimentou US$ 1.7 bilhões distribuídos em monitoramento de frotas (US$ 875 milhões), edifícios inteligentes (US$ 425 milhões) e operações de manufatura (US$ 411 milhões).

Só com estes números tenho certeza que você já olha IoT como uma grande onda de oportunidades!

Mas para surfar nesta onda você precisa entender esta tecnologia e é neste sentido que vou te ajudar com este post para que ao final você perceba que é muito mais fácil do que parece.

Tecnologia IoT

Em 1º lugar vamos ver a definição na Wikipedia: "A Internet das Coisas, mais conhecida como raio da internet das coisas (do inglês, Internet of Things) é uma revolução tecnológica a fim de conectar dispositivos eletrônicos utilizados no dia-a-dia (como aparelhos eletrodomésticos, eletro portáteis, máquinas industriais, meios de transporte etc.) à Internet, cujo desenvolvimento depende da inovação técnica dinâmica em campos tão importantes como os sensores wireless, a inteligência artificial e a nanotecnologia."

Resumindo IoT é conectar dispositivos físicos de todo tipo à internet.

A ideia não é nova, mas com a evolução da internet, popularização do smartphone e seus aplicativos, a tecnologia encontrou todos os ingredientes para agitar o mercado.

Aplicando IoT nos negócios

Veja alguns exemplos desta tecnologia na área da saúde, pessoal, indústria e construção civil:

1. Você precisa monitorar o seu bebê em tempo real? Receber informações temperatura do seu bebê, posição do corpo e respiração? E isso tudo no seu celular em tempo real. Legal não? Pois é, isso já é realidade com uma solução chamada MimoBaby.

2. Agora imagine morar em uma casa inteligente que te ajuda na eficiência dos gastos de energia. E como isso é possível? Através de sensores integrados ao seu sistema de refrigeração e que controlam a temperatura da casa diminuindo o consumo porque recebe informações da previsão do tempo, ou seja, se esfriou o tempo o ar condicionado diminui a potência. Isso sem falar na comodidade. Um produto chamado Nest faz isso tudo em tempo real e a economia chega a 30%.

3. Ainda no tema de casa inteligente, vamos supor que você precisa controlar remotamente todos os aparelhos eletrônicos da sua casa, fazenda, escritório ou casa de campo porque se por um acaso esqueceu a luz ligada basta um clique no celular e pronto! A luz foi desligada sem precisar ir ao local. Isso também já é uma realidade! Diversos fornecedores disponibilizam um tipo de adaptador sofisticado para você plugar na tomada e ligar a sua TV, micro-ondas, computador, luminárias, etc. Este adaptador é conectado com o seu celular via WiFi para que você gerencie todos os seus aparelhos remotamente através do APP ou comando de voz.

4. Neste exemplo vamos focar na indústria. A tecnologia Iot permite que seja instalado sensores em equipamentos industriais e/ou maquinários da linha de produção que capturam e informam em tempo real se algo está fora dos padrões, tais como, temperatura, código de erro de um componente, ficar em standby quando não tem atividade, etc. Esta tecnologia abre uma infinidade de possibilidades para uma gestão mais eficiente porque você não precisa ficar fazendo rondas para verificar todos os equipamentos. Você vai obter tudo em tempo real!

5. Por fim último exemplo e agora na construção civil que se chama “EDC-embedded-data-collector”. Esta solução IoT é patenteada e coloca sensores junto com o concreto de uma obra para monitorar a umidade e composição do concreto evitando desperdício. Além disso, estes sensores têm uma bateria que dura 5 anos para você monitorar a integridade da estrutura.

Ficou mais fácil de entender, não?

Infraestrutura precisa andar junto

Importante lembrar que se temos todos estes dispositivos conectados na internet é necessário que a velocidade e banda da internet acompanhe este crescimento e isso já está no radar dos grandes fabricantes. Veja mais sobre esse assunto nesse artigo.

E para fechar o assunto lembre-se que IoT é um dos 4 grandes eventos da internet que alimentam a tecnologia Big Data, ou seja, todas as informações coletadas vão para uma estrutura de Big Data e usando técnicas de Analytics podemos gerar relatórios preditivos para tomarmos ações antes que elas aconteçam e consequentemente aumentando consideravelmente a lucratividade do negócio.

Se Big Data ainda é uma tecnologia difícil de entender assista à série de 4 vídeos que fiz sobre este assunto para que você entenda de forma fácil e simples.

Agora que você entendeu todo este potencial é arregaçar as mangas e usar toda esta tecnologia a seu favor. Nos consulte e veja o que no que mais podemos te ajudar.